quarta-feira, 2 de abril de 2014

A FÓRMULA DE FELICIDADE DA BÍBLIA

A fórmula de felicidade apresentada na Bíblia é relativamente simples, embora certamente não seja fácil de implementar. E isso é razoável porque toda promessa de felicidade fácil é sempre enganosa e mal intencionada. 

A fórmula  
A Bíblia ensina que a presença do Espírito Santo na vida da pessoa gera um fruto (veja mais), cujas características são: amor ao próximo, paz, alegria, bondade, fidelidade, paciência, serenidade e domínio próprio. 

Imagine que você passe a contar com esse fruto na sua vida de forma permanente. Você poderá dizer adeus à ansiedade, tristeza, insegurança, egoismo, insensibilidade ao próximo e assim por diante. Certamente você será uma pessoa feliz. E, mais ainda, essa felicidade não será dependente das circunstâncias externas, pois estará dentro de você. Uma pessoa assim terá uma qualidade de vida excepcional. 

Portanto, se você entende que sua vida hoje não é aquela que gostaria que fosse, esse ensinamento pode ajudar muito a você. Agora, se o segredo da felicidade está no fruto do Espírito Santo crescendo na sua vida, é evidente que a pessoa precisa construir um relacionamento próximo e produtivo com Ele. Mas como isso pode ser feito na prática?

Aproximando-se do Espírito Santo
Há duas providencias que você pode tomar para aprofundar seu relacionamento com o Espírito Santo. A primeira é se afastar do malPense assim: se você quer aprofundar seu relacionamento com alguém, deve começar por não atrapalhar o que já existe - isso já é uma ajuda. 

Ora, toda vez que você peca, afasta-se de Deus. Simples assim. Então quanto menos você pecar, melhor será seu relacionamento com o Espírito Santo.

Mas é claro que você, assim como eu, peca todos os dias. Portanto, não estou falando aqui de eliminar o pecado, porque isso seria impossível. Falo de um esforço sério e sincero para melhorar. 

É importante você perceber que essa discussão não se refere à sua salvação e sim à melhoria da sua qualidade de vida, à construção de uma vida mais feliz. Isto porque pecados sempre têm consequências ruins, embora isso muitas vezes somente seja percebido a longo prazo. Mas essas consequências sempre existem. E entender que o pecado piora a qualidade de vida pode se tornar uma revolução na forma como você conduz sua religião. 

Normalmente, as pessoas são ensinadas a se afastar do pecado por causa do risco de ir para o Inferno - trata-se essencialmente de uma discussão sobre mudar agora para alcançar algo no futuro. Agora, quando a pessoa entende que diminuir a presença do pecado melhora sua qualidade de vida, a dinâmica para mudar passa a ser outra. Há uma motivação muito maior, pois se trata de melhorar o aqui e agora. 

A segunda forma de você se aproximar do Espírito Santo é avançar nas práticas espirituais. Refiro-me à oração, à meditação sobre a Palavra de Deus, ao exercício da caridade, etc. O problema é que as pessoas normalmente não conseguem ter a disciplina de vida necessária para evoluir nessas práticas espirituais da forma como deveriam. Os problemas e exigências do dia-a-dia tendem a "engolir" o tempo disponível e a motivação que as pessoas possam ter. O que fazer então? 

A resposta é assumir compromissos (obrigações) com a obra de Deus. Isso funciona porque estamos acostumados a cumprir obrigações nos diversos campos de nossa vida. E quando não há obrigação, a pessoa acaba não fazendo aquilo que deveria. É por isso que levanto todos os dias para ir trabalhar (há uma obrigação) e não tenho a mesma atitude positiva para fazer exercício físico (não há qualquer obrigação). 

Mas há mais ainda. Quando se assume uma obrigação na obra de Deus, ocorre um fenômeno interessante: aquilo que começa como obrigação acaba se tornando um prazer, à medida que o fruto do Espírito cresce na pessoa. 

Por exemplo, quando minha mulher me falou para manter este blog, confesso que não fiquei muito entusiasmado, pois sabia o trabalho que iria ter - o segredo de um blog é ter disciplina para sempre oferecer material novo para os leitores. Mas, ao longo do tempo, passei a apreciar esse trabalho e minha atividade aqui se tornou um prazer. 

Assim, se você quer crescer em oração, junte-se a um grupo de intercessão. Se quiser crescer no conhecimento da Palavra de Deus, junte-se a um grupo sério de estudo bíblico. E assim por diante.

Palavras finais
Resumindo, para que você seja feliz, precisa do fruto do Espírito Santo na sua vida. Para tanto é preciso aproximar-se d´Ele, torná-lo mais presente na sua vida, o que pode ser conseguido a partir de duas providencias: afastar-se do mal e evoluir nas práticas espirituais (oração, estudo da Bíblia, etc). 

A primeira providência torna-se efetiva a partir do momento em que a pessoa entender que se afastar do pecado irá melhorar sua qualidade da sua vida. Já a segunda providência toma corpo a partir do momento em que a pessoa venha a gradualmente assumir compromissos (obrigações ) com a obra de Deus. 

Esse é o caminho que Deus estabeleceu. Se você quer ser feliz, basta segui-lo. 

Com carinho  

Nenhum comentário:

Postar um comentário